13ª Legislatura

15 de janeiro de 1929

Compartilhe!

Curtir
Os vereadores foram depostos pela Revolução de 1930, que dissolveu corporações legislativas.

Adelson Nogueira Barreto - eleito 2º secretário e reeleito para o mesmo cargo em 1930.

Dr. Albertino Moreira - eleito vice-presidente da Câmara e reeleito para o mesmo cargo em 1930.

Dr. Antonio Bruno Barbosa

Belmiro Ribeiro de Moraes e Silva - eleito presidente da Câmara e reeleito em 1930.

Evaristo Machado Neto

Frederico Ernesto de Aguiar Whitaker Júnior

Dr. Heitor de Moraes  - licenciado pela Câmara de fevereiro de 1929 até 16 de maio de 1930, quando renunciou, sendo substituído por Dr. Ignácio Pascoal Bastos.

Dr. José de Sousa Dantas - eleito prefeito, cessou o mandato em 27 de outubro de 1930.

Dr. José Luiz de Jorge

Martinho Ferreira de Camargo - eleito vice-prefeito

Dr. Sebastião Adelino de Almeida Prado - eleito 1º secretário

Dr. Waldemar Leão

Dr. Ignácio Pascoal Bastos - eleito em 30 de maio de 1930 na vaga de Heitor de Moraes, tomou posse em 26 de junho do mesmo ano.


Com a organização dos Governos Provisórios Federal e Estadual, em virtude do triunfo da Revolução que teve início em 3 de outubro de 1930, gterminando em 24 do mesmo mês e ano, foram dissolvidas as corporações legislativas e depostas as autoruidades eletivas, ou seja, presidente de Estado, prefeito Municipal, entre outras.
Em 28 de outubro de 1930, assimiu o governo da Cidade de Santos uma Junta Governativa nomenada pelo Governo Provisório de São Paulo, composta por Waldemar Leão, Antonio Feliciano da Silva e Leopoldo de Oliveira Figueiredo, que permaneceu no poder até 30 de novembro do mesmo ano.