Moção de Apoio para fixação de GCMs nas escolas municipais

Vereador prioriza a segurança no ambiente escolar

Compartilhe!

Curtir

Diante dos constantes furtos e vandalismo em escolas, bem como do quadro de violência que tem se alastrado, não escolhendo vítimas ou locais, o vereador Fabrício Cardoso reforçou a necessidade de priorizar a segurança nas unidades de ensino municipais. Durante a Sessão Plenária (14/3), o parlamentar apresentou uma Moção de Apoio, com a assinatura de todos os vereadores, na qual solicitou a alocação de ao menos um Guarda Civil em cada UME.

Santos, vista como pioneira quanto a evolução de políticas de segurança pública (sendo a primeira Cidade a contar com um efetivo de Guarda Civil Municipal), não possui GCMs nas unidades escolares desde 2003. Para Fabrício, segurança pública é um dever do Estado, mas também cabe ao Município fazer a sua parte, atuando na prevenção primária e na preservação do patrimônio da Cidade.

"Reforço em minhas proposituras (já apresentadas diversas vezes ao Executivo) para que seja ampliado o quadro efetivo da Guarda Municipal, visando alocar, pelo menos, um GCM por unidade escolar".

Segundo Fabrício, o principal objetivo da Moção é garantir a segurança e a proteção à vida de alunos, pais e educadores. "Acredito que a implementação de tal medida reforça uma luta coletiva para que não sejamos meros expectadores de tanta criminalidade. É preciso combater a violência e preservar o nosso patrimônio, lembrando que não existe patrimônio maior do que a vida", concluiu.

Álbum de Fotos