200 pessoas encaminhadas

Vereador acompanhou força-tarefa

Compartilhe!

Curtir
Com o intuito de conhecer a ação e os problemas que ocorrem no dia a dia dos profissionais da Prefeitura de Santos, na última quarta-feira, (13 de novembro), o vereador professor Kenny (DEM) acompanhou uma força-tarefa composta pela Guarda Municipal, Secretaria de Assistência Social, pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e pela Polícia Militar. O objetivo do grupo era abordagem social de pessoas em situação de rua.
Enquanto homens em um caminhão da Prodesan removiam entulhos e restos de móveis deixados irregularmente nas vias públicas, uma viatura com agente da CET dava apoio logístico e autuava caminhões abandonados que serviam de pontos para consumo de drogas.
 
Os Guardas Municipais abordaram as pessoas nesta situação para checar a posse de drogas e possíveis armas. E os policiais militares averiguaram antecedentes criminais.  Essa última medida visa detectar fugitivos da Justiça que se misturaram entre as pessoas de rua.
Após a checagem, assistentes e operadores sociais cadastraram e acompanharam as que desejaram para tratamento da dependência química.
Esta ação da força-tarefa é realizada com frequência. O trabalho acompanhado ontem pelo parlamentar já dura 60 dias..
 
Procedimento
Às 8 horas, os participantes da ação recebem as instruções do secretário adjunto de Segurança, Bruno Orlandi, do comandante da GM, Brito, e da subcomandante Rema. Em seguida o grupo sai da base da Guarda seguindo pela região da Bacia do Mercado, ruas Silva Jardim, Luiza Macuco, Manoel Tourinho entre outras travessas. Na manhã da quarta-feira foram atendidas 50 pessoas.
 
Para o vereador, a atividade foi um grande aprendizado. “O problema social das pessoas em situação de rua é muito complexo. São vidas que foram destruídas pelas drogas, pela desagregação familiar e pela doença mental. E o trabalho destes funcionários públicos de diversas secretarias é o fio de esperança para resgatarmos estas pessoas”, afirma.
 
Como aprendizado, o parlamentar concluiu que é necessário aumentar o efetivo da Corporação e dos técnicos para mais ações de resgate. Kenny indicará ao prefeito cursos de capacitação em Mediação de Conflitos para todos os técnicos: guardas, agentes da CET, assistentes e operadores sociais e pessoal de emergência. “Às vezes, em uma situação de conflito, a abordagem correta é essencial.”, finalizou.


Assessoria do vereador Kenny Mendes
professorkenny@camaradesantos.sp.gov.br
(13) 3219-5126